Problemas financeiros? 6 Dicas para sair dessa

A situação não anda lá muito boa para uma grande parcela da população, que já aflita e refém de algumas decisões e reformas políticas de funcionalidade bem duvidosa, ainda encontra dificuldades para conseguir se posicionar de forma “rentável” no mercado de trabalho. O resultado disso é o acúmulo de dívidas e problemas financeiros, por um motivo ou outro. Dê uma olhada nas iniciativas que você pode tomar para amenizá-las.

Simples, mas necessário

O primeiro passo é o mais básico, mas nem sempre aplicado. Caneta e caderninho na mão para anotar todos os gastos e todas as rendas do mês. O detalhamento das informações vai de cada um, tem gente que anota os cafezinhos nas padarias, se for do seu perfil, ok, se não for, sem problemas.

O importante é contabilizar o grosso de cada um dos dois, para começar a perceber onde está a sangria. Com as informações na sua frente, fica mais fácil de identificar o que pode ser removido, pelo menos por um tempo, e o que é essencial.

Consumo controlado

Com uma situação pouco confortável já há algum tempo, alguns sacrifícios devem ser feitos, pelo menos até que você melhore a situação. Sabemos que jantar fora costuma ser sempre uma boa experiência, mas fazê-lo com assiduidade dará uma bela esvaziada em sua carteira e conta bancária.

Zona de conforto e problemas financeiros definitivamente não combinam. Uma apertada no cinto agora será não apenas uma forma de economizar dinheiro, mas uma experiência de vida. Valorize os momentos mais simples, jantares caprichados em casa, esportes ao ar livre… Está parecendo uma mensagem de autoajuda, sabemos, mas tem muito a ver com uma situação econômica estável.

Foco nas dívidas

Deixar suas dívidas virarem monstros horripilantes é um dos piores comportamentos que você pode ter. Elas são suas prioridades. Se você tem dívidas com juros altos, procure pegar empréstimos com juros menores para quitá-las.

Família educada

Se enforcar para comprar objetos e coisas que extrapolam o orçamento para agradar aos familiares nunca é uma boa ideia. Seu parceiro ou parceira devem entender qual é a situação que você está vivendo no momento, assim como uma boa explicação aos filhos também deve resolver o problema

Isso influenciará também na educação das crianças, como você já pode imaginar. Se ganharem tudo que desejam, no momento em que desejam, não saberão como discernir as fases da vida em um futuro próximo.

Estipule metas

Se trabalhamos em algo que não estava em nossos sonhos quando éramos mais jovens, devemos ao menos estipular metas e desejos para realizar brevemente. Dessa forma, há motivação para buscar novos trabalhos e aumentar a renda, mesmo que alguns bicos, e também para guardar alguma quantia mensal.

Mantenha rendendo

Não encoste nos investimentos que você vem fazendo até agora, se for o caso. Removê-los para pagar contas é o mesmo que começar do zero, mantendo o problema financeiro a longo prazo. A melhor saída é arrumar meios de acertar as contas sem mexer em qualquer aplicação.

Como não esquecer de pagar suas contas antes do vencimento

Todo mês precisamos pagar muitas contas, e por mais que você seja organizado é complicado lembrar de todas. Se você é como eu, do tempo que nem tudo era controlado pelo seu computador, tablet ou celular, então vou deixar algumas dicas para que não esqueça de nenhuma conta a pagar.

Já esqueci de pagar contas de energia elétrica, condomínio, água e fatura de cartão de crédito. Lógico que não de uma vez só. Mas quando lembro da conta já estava vencida.

Eu sempre tive e ainda tenho minha agenda, toda conta que chega eu agendo na mesma hora. Faço isso sempre ao receber as contas para não correr o risco de esquecer de pagar. Assim, logo que uma conta chega eu vou na data e anoto. E todo dia eu verifico se há pagamento pendente.

Mas mesmo se você agendar tudo certinho que recebeu pelo correio ou por e-mail, ainda corre o risco de não pagar algumas contas. Pois, sempre há o risco das contas serem extraviadas ou alguém receber e não te entregar, daí os boletos vencem e você fica inadimplente e corre o risco ter o serviço cortado ou seu nome negativado, além de precisar pagar juros.

Um dia desses que esqueci, meu marido me disse:

  • Você tem que ter uma lista de todas as contas que precisa pagar no mês.

Na hora fiquei com raiva, pois, além de esquecer, ainda tive de ouvir isso. Mas, depois pensei: é uma boa ideia.

A partir de agora farei essa lista todo mês com todas as contas que lembrar: aluguel, luz, água, convênio, cartão, celular, IPTU …

Para facilitar eu divido em assuntos.

Por exemplo:

Casa

  • aluguel – dia 05
  • Condomínio – dia 07
  • Energia elétrica – dia 10
  • Faxineira -dia 10
  • Água – dia 15

Pessoal

-Minhas contas

  • – Convênio médico – dia 16
  • – cartão de crédito – dia 20
  • – academia – dia 25

— Contas do marido

  • – convênio médico – dia 16
  • – cartão de crédito – dia 25
  • – vale transporte – dia 30

– Conta do filho

  • Convênio médico – dia 16
  • Escola – dia 10
  • natação – dia 15

Então eu repito a lista todo mês e conforme pago vou cancelando na lista daquele mês e marcando como pago na agenda. Assim, não tem como esquecer, mesmo com muitas contas não vai pagar atrasado.

Afinal, ninguém merece pagar contas com juros porque perdeu o prazo e com dinheiro em conta. Com essa lista, mesmo que muito simples não me atrasei mais nas contas. Espero que com essa dica você também consiga criar um sistema que funciona para você também.

Como fazer financiamento da casa própria, aproveitando o crédito para habitação e financiar um veículo novo ou fazer empréstimo para dar de entrada e trocar o automóvel?

Para você que está dizendo “quero comprar uma casa, quero comprar um carro, quero fazer financiamento para comprar casa, quero fazer financiamento para comprar veículo, como financiar uma casa, como financiar um carro”, então, temos a resposta para todas essas questões.

O financiamento é sem dúvida a melhor opção para conseguir obter dinheiro do banco, que nada mais é do que um empréstimo. Assim, ao invés de você receber o dinheiro como em um empréstimo tradicional e comum, o banco já irá transferir esse dinheiro para quem está vendendo o imóvel ou veículo.

Por exemplo, se você for comprar uma casa, o proprietário irá receber o dinheiro do banco e você será o novo proprietário da casa e irá pagar as parcelas do financiamento ao banco e não para o antigo proprietário.

Mas você só terá a casa mesmo em seu nome quando fizer a quitação de todo financiamento. Antes disso, o imóvel fica alienado em nome do banco ou instituição financeira que realizou o financiamento, como garantia de que você irá pagar todas as parcelas do financiamento.

Por isso, o banco consegue liberar altos valores do financiamento, pois tem mais garantias de que não haverá inadimplência, já que em caso de não pagamento, você perde a propriedade.

Para evitar esse tipo de problema, procure se planejar bem antes de realizar algum financiamento, tenha em mente que as parcelas não podem comprometer todo seu salário e renda, pois você ainda tem as despesas e contas do mês que já são fixas, como contas de água, energia elétrica, telefone, consumo de alimentação, vestuário entre outros.

Fazendo todo esse planejamento, você irá garantir que só irá realizar o financiamento se as parcelas estiverem dentro do seu orçamento, mesmo que precise fazer um financiamento mais longo, mas já evitando qualquer dor de cabeça no futuro.

Como e onde fazer financiamento?

Popularmente são os bancos ou instituições financeiras que disponibilizam financiamentos. Quanto maior a instituição ou banco, melhores podem ser suas chances de conseguir a aprovação de um financiamento, já que o banco maior tem mais dinheiro para liberar e comprar o imóvel que você deseja.

Indo diretamente no banco em que você já possui conta para fazer o financiamento é o melhor início, como por exemplo, solicitar financiamento no Banco do Brasil, fazer uma simulação de financiamento da casa na Caixa Econômica Federal, através do programa Caixa Habitação, ou em bancos particulares, que também pode tentar pedir seu financiamento no Itaú, fazer propostas de financiamento com o Bradesco que comprou o HSBC ou obter financiamento no Santander.

Também tem outros bancos menos populares mas que também realizam financiamento, dependendo do perfil do cliente e que podem ser ótimas soluções. Então, tente fazer tentativas para solicitar financiamento no Banco Original, pedir um financiamento no Banco Daycoval, fazer um financiamento no Banco Inter, solicitar uma proposta de financiamento ao Citibank, pedir financiamento no Banco Pan, receber financiamento do BTG Pactual, receber financiamento com o Banrisul, fazer uma simulação de financiamento online no Paraná Banco, realizar seu financiamento no Banco Mercantil ou tentar fazer financiamento em cooperativas de crédito como a Sicredi ou Sicoob.

Geralmente, muitas dessas instituições financeiras menores ou alternativas não irão realizar financiamento, pois pode ser um produto específico que não disponibilizam. Então, deixamos como alternativa de pesquisa, através do nome desses bancos ou instituições financeiras.

Assim, ainda que não realizem financiamento ou não façam financiamento para o tipo de produto que está tentando comprar, você poderá tentar, nessas mesmas instituições financeiras, fazer um empréstimo e usar o valor para dar de entrada.

Com um valor de empréstimo que você recebe para dar de entrada em um imóvel ou veículo, poderá diminuir o valor necessário para financiamento, e poderá conseguir aprovação mais fácil e diminuição dos juros pagos, já que o valor financiado ficou menor e talvez até o prazo seja mais curto.

Mas é importante não se esquecer de que você precisará ter renda tanto para pagar o financiamento, quanto para pagar o empréstimo, se realmente realizar essa opção, de usar o dinheiro do empréstimo para dar de entrada em um imóvel ou veículo e depois financiar o restante.

Caso fique muito apertado, tente primeiro comprar a casa própria, pois é mais importante e depois comprar o veículo. A menos que precise do veículo para trabalho, então, inverta a ordem, mas sempre comprando e quitando primeiro um para depois fazer outra dívida e comprar o outro bem, para evitar atrasos, inadimplência e para não perder seu bem financiado.

Como fazer empréstimo online seguro e conseguir dinheiro imediato, sem sair de casa e sem burocracia?

Muitas pessoas precisam de dinheiro para pagar contas, despesas não previstas, quitar cheque especial ou parcelas do rotativo do cartão de crédito que possuem juros muito altos e acabaram ficando endividadas e querem o dinheiro emprestado para sair das dívidas.

Fazer empréstimo é uma ótima opção, pois você só ficará com uma única dívida, com juros bem menores do que o cheque especial ou cartão de crédito e, assim, poderá sair do sufoco, ficar livre das dívidas.

Algumas pessoas já ficaram até mesmo com o nome sujo, pois já estão a algum tempo inadimplentes e as dívidas se atrasaram muito. Neste caso você precisará solicitar um empréstimo para negativado, geralmente a financeira mais popular que realiza empréstimo para negativados é a Crefisa.

Apesar de os juros serem maiores, como a Crefisa investe num segmento de maior risco que é o empréstimo para negativados, você conseguirá uma boa liberação do dinheiro que precisa, caso realmente necessite de forma urgente.

Se puder esperar, poderá pesquisar um pouco mais e ver outras alternativas de empréstimo ou tentar primeiro quitar suas dívidas antigas ou fazer uma renegociação de dívidas para limpar seu nome e facilitar a obtenção de crédito e empréstimo pessoal.

Muitos costumam ir diretamente no banco onde possuem conta para fazer empréstimo, como por exemplo, solicitar empréstimo ou financiamento no Banco do Brasil, fazer uma simulação de empréstimo ou financiamento da casa na Caixa Econômica Federal, com o programa Caixa Habitação, ou nos bancos particulares, que também tentam pedir dinheiro no Itaú, fazer propostas de empréstimo no Bradesco que comprou o HSBC ou obter crédito no Santander.

Entretanto, sabemos que nesses grandes bancos, que são os cinco maiores do Brasil e já são bem conhecidos entre os brasileiros, há grande burocracia, fila de espera, muitas recusas e reprovações dos pedidos de empréstimo, por isso, não é fácil conseguir dinheiro nesses grandes bancos.

Como eles já possuem muitos clientes e já possuem fama, solidez e grandiosidade, acabam não se preocupando em atender mesmo todos e, até por uma questão lógica de segurança para o banco, acabam recusando empréstimos, muitas vezes de quem até conseguiria pagar normalmente as parcelas, sem inadimplência, mas com qualquer sinal de risco, por menor que seja, eles já impedem a liberação de seu empréstimo, mesmo você sendo correntista e cliente do banco.

Se seu banco lhe recusar o seu pedido de empréstimo e mesmo assim você pensa: preciso de dinheiro o quanto antes para sair das dívidas, quero meu empréstimo para comprar meu carro ou comprar minha casa, quero conseguir realizar meus sonhos e objetivos para voltar a dormir tranquilamente, ainda tem outras opções.

Há ainda outros bancos menores e alternativos, que também podem ser ótimas soluções. Então, tente fazer tentativas para solicitar empréstimo no Banco Original, pedir um empréstimo no Banco Daycoval, fazer um empréstimo no Banco Inter, solicitar uma proposta de crédito ao Citibank, pedir dinheiro no Banco Pan, receber crédito pelo BTG Pactual, receber dinheiro com o Banrisul, fazer um empréstimo online no Paraná Banco, realizar seu empréstimo no Banco Mercantil ou tentar fazer empréstimo em cooperativas de crédito como a Sicredi ou Sicoob.

São inúmeras as possibilidades e que permitem aumentar suas chances de obter empréstimo e com ótimas vantagens que, muitas vezes, os bancos grandes não oferecem, como um atendimento mais personalizado, mais rápido, com bem mais eficiência.

Se ainda assim não conseguir a liberação do seu empréstimo e ainda estiver sem o seu dinheiro, poderá tentar fazer empréstimo em financeiras que são intermediários bancários e revendem serviços financeiros como empréstimos e financiamentos da maioria dos bancos.

Os bancos fizeram isso para tentar diminuir a concentração de filas e clientes em suas agências e, consequentemente, oferecer um atendimento melhor, podendo analisar com mais detalhes o perfil de cada cliente e a possibilidade da liberação do empréstimo.

Independentemente de ter sucesso ou não fazendo essas solicitações de empréstimo, em paralelo, se você precisa de dinheiro urgente, faça também solicitações de empréstimo online.

Tem muitas empresas financeiras que estão disponibilizando crédito online, geralmente ligadas a algum banco ou instituição financeira maior e que você poderá fazer sua solicitação.

Neste caso só é importante deixar o alerta para nunca cair em golpes que solicitam pagamentos antecipados, pois você não precisa pagar nada para fazer seu empréstimo. Todas as taxas, tarifas, impostos e custos operacionais do empréstimo serão descontados já do valor que será repassado para você, depositado diretamente em sua conta, líquido, disponível para você usar todo aquele valor que receber.

Você só precisará pagar as parcelas de seu empréstimo, a partir de quando elas começarem a vencerem, de acordo com o contrato efetuado. Seguindo sempre com essa atenção, para nunca pagar nada antecipado, poderá solicitar empréstimo em qualquer financeira online, e se alguma pedir qualquer pagamento antecipado, independente do motivo que alegarem, NÃO FAÇA, pois é um golpe virtual.

E para evitar de até mesmo enviar seus dados para empresas que ofertam falsos empréstimos online, simplesmente pesquise pela Internet e desconfie se for uma empresa que ninguém conhece ou ninguém nunca fez nenhum empréstimo por ela. Faça somente solicitações de empréstimo online de empresas confiáveis.

Para te ajudar, listamos abaixo as melhores empresas financiaras para se solicitar empréstimo online.

Você poderá solicitar um empréstimo online na Lendico, fazer seu pedido de dinheiro na Geru, obter empréstimo na Simplic, receber propostas de empréstimo no Bom pra Crédito, fazer empréstimo na Just, pedir dinheiro na Creditas, fazer empréstimo online na Dacasa ou realizar seu empréstimo na Emprestto.

Qualquer empresa que não citamos aqui, você irá fazer seu pedido de empréstimo por conta própria e pode ou não ser um site confiável.

Mas lembre-se, o mais importante é NUNCA FAZER DEPÓSITOS ANTECIPADOS. Pois isso SEMPRE SERÁ GOLPE, já que eles irão receber seu dinheiro e você nunca irá receber o valor do empréstimo.

Assim, faça somente empréstimos em bancos ou financeiras confiáveis.